Salamandra Sangue

22 09 2013

Imagem

Certa vez procurava um bar mais tranquilo para tomar uma ou duas e conheci um grupo de alberguistas próximo a escadaria do falecido Selarón (que Deus o tenha). Eles me contaram sobre “Aracataca”, cidade colombiana que inspirou a Macondo de Garcia Márquez. O depoimento de alguns do grupo estavam em consonância com as descrições do famoso autor… disseram que as coisas são muito estranhas ao norte das cordilheiras de San Lucas. Um jamaicano explicou que o vértice sul do Triângulo das Bermudas que recai sobre Porto Rico tem influência na região e arremessa pra lá ventanias cataclísmicas, miasmas apodrecidos de outras eras e toda sorte de coisas sinistras…

Fiquei perplexo com a descrição da área pantanosa que isola a cidade do mar: uma escuridão sobrenatural que obrigava o uso de lanterna em pleno sol de meio-dia, barulhos estranhos a noite, vultos de criaturas deformadas, febre, insônia e as malditas salamandras sangue andando por toda a parte ao redor dos focos de luz com sua asquerosa cor coral.

Ocorreu a um deles discordar e dizer que as salamandras traziam conforto durante a solidão daquela travessia infernal porque, afinal de contas, elas não sabiam que eram feitas de sangue, nem que sua fome de luz era um excretar de escuridão algumas horas após, nem que o alimento do seu corpo produzia deformações no predador, no corpo e na alma, nem as vicissitudes da cor coral e seus efeitos no espírito do homens e muito menos que haviam conquistado morada no pior dos umbrais. O olhar da salamandra sangue era um olhar gentil e incorruptível, constatou a panamenha com olhar pensativo.

Por Leonardo Ribeiro

Anúncios

Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: